Livros para advogados: as obras que todo empreendedor deve ler

por Sisea Sistemas

O mercado jurídico mudou muito nos últimos tempos. Hoje em dia, não é mais suficiente conhecer bem as leis para se destacar perante a concorrência: é preciso tratar o seu escritório como um verdadeiro empreendimento. Palavras como gestão legal, marketing jurídico e empreendedorismo devem entrar no vocabulário de todo advogado — e nada melhor para conhecer esse assunto do que ler os melhores livros do mercado, certo? Pensando nisso, preparamos essa lista com os melhores livros para advogados empreendedores. Confira!

Como fazer amigos e influenciar pessoas – Dale Carnegie

O primeiro livro da lista é um clássico escrito nos anos 70 e que permanece atual até hoje. Todo profissional do Direito sabe que lidar com pessoas é quase que 80% do trabalho de um advogado — afinal, não adianta nada ser um ás das leis e não conseguir manter um bom relacionamento com clientes, colegas de profissão e outros operadores do Direito.

Por isso, a leitura desse livro é recomendada: como o título diz, dá lições valiosas sobre como fazer amigos e influenciar pessoas, duas habilidades essenciais para quem pretende ser um advogado de sucesso.

Gestão para advogados – Luiz Fernando Rabelo Chacon

É seguro dizer que quase nenhuma faculdade oferece em sua grade curricular matérias focadas na prática da gestão profissional. Por esse motivo, muitos advogados acabam enfrentando dificuldades na hora de montar seu escritório ou entrar no mercado de trabalho.

O livro “Gestão para advogados” busca suprir essa lacuna, dando dicas valiosas sobre os primeiros passos da profissão (como montar um bom currículo, por exemplo), bem como sobre gestão profissional (como elaborar planejamentos estratégicos, por exemplo).

A Nova Reinvenção da Advocacia: a Bíblia da Gestão Legal no Brasil – Lara Selem e Rodrigo Bertozzi

Os autores desse livro são sócios em uma famosa empresa de consultoria de gestão de serviços jurídicos, então não há dúvidas de que a sua leitura é obrigatória para o advogado que quer investir em gestão legal.

Nesta obra, reinvenção é a palavra-chave: o foco dos autores é criar uma nova maneira de exercer a advocacia, com base em uma gestão de alta performance que fará qualquer escritório atingir um novo patamar.

Nela, você irá encontrar dicas sobre empreendedorismo jurídico; estruturação de departamentos; vendas; dentre muitas outras.

A Estratégia do Oceano Azul – Chan Kim e Renné Mauborgne​

O quarto livro dessa lista não é direcionado especificamente para os advogados, mas nem por isso é menos importante. Nele, os autores utilizam a metáfora do oceano vermelho, que representaria o espaço de mercado conhecido, versus o oceano azul, que representa o mercado desconhecido, ainda não explorado.

A solução para se destacar perante a concorrência seria sair do primeiro em direção ao segundo, ou seja, investir em nichos pouco explorados pelo resto do mercado — o que pode ser uma ótima estratégia para os profissionais do Direito, tendo em vista a concorrência acirradíssima do mercado jurídico.

Marketing Jurídico: o poder das novas mídias – Rodrigo Bertozzi e Renata Bucco

Nessa obra, o foco é a internet e como ela pode ser utilizada em favor do seu escritório. Dicas sobre a utilização de podcasts e videocasts; táticas de conexão com o público-alvo; elaboração de estratégias nas redes sociais; dentre muitas outras que irão ajudar a promover seus serviços advocatícios online.

E o melhor é que o livro leva em conta as restrições do Código de Ética profissional, o que significa que você pode aplicar seus ensinamentos sem medo!

Gostou dessas dicas de livros para advogados? Que tal aproveitar para aprender como melhorar seu relacionamento com os clientes? Confira nosso post!

Share this post